51899dbc87584bd5a62afb28e39ac3d0

Gravidez e parto

Conselhos sobre a gravidez e parto.

Toda a mulher tem direito a cuidados de saúde de qualidade, especialmente as mulheres grávidas.

Em Moçambique, 4 mulheres por 1000 bebés nascidos vivos morrem por complicações associadas à gravidez e parto.

Os riscos associados à gravidez e parto podem ser reduzidos se antes e durante a gravidez a mulher:

Na consulta pré-natal é também oferecido o aconselhamento sobre aleitamento materno, aconselhamento e testagem voluntária para o HIV, e, no caso de resultado ser positivo a mulher recebe medicamentos para evitar a transmissão do HIV ao bebé (que vulgarmente diz-se prevenção da transmissão vertical ou PTV). O bebé quando nasce também recebe medicamentos.

Alguns dos sinais de perigo na gravidez são: dores de cabeça, convulsões, desmaios, edemas nos pés (pés inchados), sangramento vaginal, vómitos contínuos, palidez ou bebé que não está a mexer-se.

Os sinais de perigo durante o parto são: febre, sangramento vaginal abundante, retenção da placenta (demora mais de 30 minutos a ser expulsa), trabalho de parto com mais de 12 horas de duração ou saída da mão ou pé antes da cabeça.

A violência contra as mulheres quando grávidas aumenta o risco de aborto, parto prematuro e do bebé nascer com baixo peso.

The Internet of Good Things